Seguidores

sábado, 31 de janeiro de 2015

Marvel Saga 04 (Editora Abril) (1992)

Inspirados na Mitologia Nórdica, Stan Lee e Jack Kirby criaram em 1962 um de seus mais fabulosos super-heróis, o Poderoso Thor. Único ser capaz de empunhar o martelo encantado Mjolnir (além de seu próprio pai, Odin) , Thor vivia na Terra oculto sob a forma do médico mortal Donald Blake. Sempre que se encontrava diante de uma situação de emergência, o Dr Blake abandonava sua forma franzina para se transformar num vigoroso defensor da justiça. Este foi o Thor que vimos nas revistas Marvel por mais de vinte anos. Hoje, ele não existe mais.

Don Blake saiu de cena , e o filho de Odin ganhou uma outra identidade secreta e conheceu um guerreiro tão valoroso quanto ele, capaz inclusive de manejar o Mjolnir. O responsável por todas essas mudanças foi o Argumentista e Desenhista Walter Simonson, que, a partir de 1983, revolucionou o Universo do personagem, introduzindo novos e interessantes elementos, reaproximando-o  assim de suas origens míticas.

Um papel muito interessante nesse período de reformulação seria desempenhado pelo alienígena Bill Raio Beta, uma das grandes criações de Simonson e fiel companheiro do Deus do Trovão, embora, como veremos nessa edição de Marvel Saga, nem sempre eles tenham sido amigos. Nesse sentido, a história que você vai ler é duplamente importante, por marcar o início dessa fase e por mostrar a turbulenta origem de Bill Raio Beta.

Scans e Restauração:Flávio(R&QS)

https://mega.co.nz

Continue lendo...

Grandes Clássicos Marvel - Vol.01

http://cur.lv/igiis
(Clique na Imagem para Download)

Sinopse: No início da década de 60, um contador de histórias via os quadrinhos como algo além de meras revistinhas caça-níqueis. Graças a sua paixão, brilhantismo e ao talento de um extraordinário desenhista, o contador de histórias transformou seus personagens em inesquecíveis ícones da cultura popular. Seu nome é Stan Lee, estas são suas histórias... As primeiras aventuras de Capitão América, Thor, Hulk e Homem de Ferro, ilustradas pelos saudosos mestres Jack "o Rei" Kirby e Don Heck. Seja você um fã antigo ou recente da Casa das idéias, eis a sua chance de apreciar os clássicos que originaram a fabulosa Era Marvel dos Quadrinhos.

Continue lendo...

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Almanaque Bip-Bip 02 (Editora Três)

Mais uma sensacional edição de Bip Bip,agora em almanaque publicado pela Editora Três em 1985,trazendo a eterna perseguição do Coiote.Boa leitura!!!
Scans by Carlos Miranda
Restauração by Hélio

Continue lendo...

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Almanaque Bip-Bip 01 (Editora Três) 1985

































 
Primeira edição do Almanaque BIP-BIP lançado pela Editora Três. Além do Papa-Léguas(o galo corredor do deserto) e o incansável Coiote, temos ainda a participação de Eufrazino . São 100 páginas e 11 histórias!

Scans:Carlos Miranda

Restauração:Hélio

Mega

Continue lendo...

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Aeon Flux (Completa)

ScanManiacs
http://cur.lv/i60jl
(Clique na Imagem para Download)

Sinopse: A cidade santuário de Bregna é sufocada por uma selva que engolfou o planeta, e as melhores defesas do governo tem sido até agora disparar Canhões Desfolhantes, para evitar o avanço da floresta, mas as ruidosas explosões estão levando a população a um perigoso precipício psicológico... o barulho está, literalmente deixando as pessoas loucas. Um grupo de revolucionários conhecidos como a Resistência Monicana continua a série de ataques ao governo através de uma rede de agentes secretos, incluindo a talentosa e estonteante Aeon Flux. Ela é uma das melhores, e prova seu valor a cada dia. Minissérie baseada no desenho animado da MTV, cuja história serve de prólogo para os eventos do longa-metragem, com Charlize Theron. Minissérie em 4 Edições reunidas em 1 Link.

Continue lendo...

A Hora do Espanto - Parte II - O Filme


A Quadrinização oficial do segundo filme (o clássico, não o atual) mostra nossos atrapalhados heróis enfrentando a vampira Regine, prima de Jerry Dandridge. Essa Graphic Novel era para ter sido a edição de estreia da série mensal, com a quadrinização do primeiro filme saindo antes como uma edição especial. Por problemas internos na Now Comics, ocorreu o oposto... Na verdade, eu deveria ter lançado essa edição após o segundo número da série mensal, mas acabei encontrando os scans só recentemente. Essa graphic novel meio que mostra como Peter Vincent se tornoua um personagem muito mais seguro de si, como estamos vendo na série mensal. Algo que enxerguei só agora...

A partir da próxima edição (a oitava), a série mensal começa a retomar personagens e elementos do filme original, em especial o senso de humor. Aguardem.

Tradução, adaptação, letras e restauração da capa dupla
Johnny Who


Pasta com todas edições minhateca.com.br

Continue lendo...

Batman Bi 41 e 42

BATMAN BI (BImestral)  N.º  41
DEZ 1971-JAN 1972 - EDITORA BRASIL-AMÉRICA - EBAL
HQ AVENTURA   -   PRETO E BRANCO
http://ul.to/1pbsnkdi
BATMAN   em    O ASILO DOS FUTURISTAS
BATMAN e o ESPECTRO
ROBIN   em   SOCORRO... ACHO QUE ESTOU MORTO!
HOMEM-ELÁSTICO   em   O MISTÉRIO DO PÔNEI ENCARNADO

Para ler   ======>    AQUI!!!
-------------------------------------------------------------------------------------------------

BATMAN BI (BImestral)  N.º  42
FEVEREIRO-MARÇO 1972 - EDITORA BRASIL-AMÉRICA - EBAL
HQ AVENTURA   -   PRETO E BRANCO
http://ul.to/q52jqkg5
Leiam neste BATMAN BImestral  número  42,  de fevereiro-março de 1972, as seguintes histórias:

BATMAN   em   A INVASÃO DO PARAÍSO
BATMAN   em   ...E SEU NOME É HELLGRAMMITE
BATMOÇA   contra   O TOUREIRO FANTASMA
HOMEM-ELÁSTICO   em   O DESERTO TRAIÇOEIRO

Para ler   ======>    AQUI!!!

Continue lendo...

Millennium #01


Criado em 1996 por Chris Carter, e seguindo a mesma fórmula consagrada em seu sucesso anterior, Arquivo X, o seriado Millennium  narra a história de Frank Black (interpretado pelo excepcional Lance Henriksen), um ex-analista de perfis criminais do FBI, e detentor do dom de “acessar” a mente de criminosos, que acaba se envolvendo com o misterioso grupo Millennium, que alega lutar contra as crescentes forças do mal que assolam a humanidade. No entanto, tudo não passava de um engodo para possibilitar o fim do mundo na virada do milênio.

Com apenas três temporadas, a série se tornou uma das melhores coisas lançadas na TV nos anos 90. Em especial, a segunda temporada, conduzida pelas mentes criativas de Glenn Morgan e James Wong (autores de alguns dos melhores episódios de Arquivo X e criadores do excelente seriado de curta duração, Space: Above and Beyond), com episódios tão insanos que pareciam ter saído da mente de David Lynch (não é a toa que Twin Peaks é uma das principais influências de Chris Carter, e de onde ele “roubou” o ator David Duchovny, que interpretava um agente do FBI travesti no clássico de Lynch). Infelizmente a dupla Morgan / Wong deixou o seriado para tentar (em vão) alçar voos mais altos no cinema (Premonição e Dragon Ball – entre outras porcarias), o que fez com que a qualidade caísse na terceira temporada. Tirando um inusitado episódio com a banda de rock Kiss, a maioria dos episódios, apesar de interessantes, estavam muito abaixo da qualidade dos da temporada anterior. A série acabou sendo cancelada sem dar muitas explicações, pra variar.

Os fãs de Arquivo X sempre acreditaram que Frank Black (jamais confundir com o eterno vocalista da banda Pixies) habitava o mesmo universo de Arquivo X, embora o criador nunca tenha confirmado. Porém, na sétima temporada Carter finalmente confirma o que os fãs sempre suspeitaram, e lança um episódio em que Mulder e Scully finalmente se encontram com Black.

No ano passado, a editora IDW lançou uma série em quadrinhos continuando a trama de Arquivo X. O sucesso da revista possibilitou o lançamento de Millennium, que acabou sendo uma espécie de spin-off de Arquivo X.

Nessa primeira edição, o agente Fox Mulder se une mais uma vez a Frank Black para juntos enfrentarem um assassino serial que pode possuir ligação com o grupo Millennium.

Escrito por Joe Harris (de uma pá de gibis mutantes dos anos 90 e também o escritor do gibi de Arquivo X) e desenhado por Colin Lorimer.

Parceria com The Centurions.
Tradução e edições: Johnny Who
Letras: Zealfie27

Continue lendo...